sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Fascite plantar na visão da Medicina Tradicional Chinesa



Dor na planta dos pés

            Na região da planta dos pés podem ser diferenciadas três áreas distintas: a bola do pé, que pertence ao canal do estômago; a área abaixo do dedão do pé, que pertence aos canais do fígado e baço; e o restante da planta do pé que pertence ao canal do rim. A dor na bola do pé é decorrente de uma deficiência do Qi do estômago com invasão de umidade nos membros ou de calor no estômago, enquanto dor abaixo do dedão do pé é decorrente de fogo do fígado ou umidade no baço.
            Dor na planta do é normalmente decorrente de uma deficiência de rim (Yin ou Yang), também com invasão de umidade.

Sensação de queimação nas plantas dos pés

            Pode ser causada por calor plenitude do fígado ou do estômago. A causa mais comum e decorrente de uma deficiência do Yin do rim com calor por vazio. Nesse caso a sensação de queimação fica pior ao anoitecer ou à noite.

Ø  Deficiência de Yin do rim com calor por vazio

Sensação de queimação nas plantas dos pés que piora ao anoitecer ou à noite, tontura, tinidos, dificuldade para ouvir, transpiração noturna, boca seca à noite, calor nas cinco palmas, sensação de calor ao anoitecer, rubor malar, sede com vontade de beber água aos golinhos, dor lombar, urina escura e escassa, insônia, língua vermelha sem saburra, pulso flutuante – vazio e rápido.

Ø  Calor no estômago

Sensação de queimação na bola do pé, dor epigástrica em queimação, sede, regurgitação ácida, náusea, fome excessiva, mau hálito, sensação de calor, língua vermelha com saburra amarela, pulso transbodante e rápido.

Ø  Fogo no fígado

Sensação de queimação abaixo do dedão do pé, dor de cabeça, face vermelha, tontura, tinidos, irritabilidade, propensão a excessos de raiva, sede, gosto amargo na boca, constipação, urina escura, língua vermelha com laterais mais vermelhas e saburra amarela e seca, pulso em corda e rápido.


 Referência Bibliográfica

MACIOCIA, G. Diagnóstico na medicina chinesa: Um guia geral, São Paulo: Roca, 2006.

Um comentário:

  1. "BRIGADAO" ESTAVA A RASCA POIS ACABEI DE TER FORMAÇAO, E JÁ ME DEPAREI COM ESSE CASO DENTRE OS PRIMEIROS CLIENTES!

    ResponderExcluir